Aloísio Coluna

Nessa semana, a coluna Escalando Muralhas vem com a trajetória de Aloísio, o “Boi Bandido”, no futebol da China. Natural de Araranguá/SC, o jogador começou nas categorias de base do Grêmio, no ano de 2006. Em seguida, teve uma passagem de dois anos no Chiasso, da Suíça, retornando ao Tricolor Gaúcho, onde foi emprestado ao Caxias.

Contudo, uma série de lesões prejudicaram a atuação dele na equipe do interior gaúcho. Ou seja, um fator que o fez ser emprestado novamente em 2011, agora para a Chapecoense, onde ele pôde demonstrar seu futebol. Desta maneira, foi destaque da equipe campeã Catarinense daquele ano, chamando então à atenção do Figueirense.

Advertisement

A importância do Figueirense

A princípio, Aloisio iniciou sua estada no Figueira alternando entre a titularidade e a reserva, até se firmar no time após boas atuações no Brasileirão de 2012, onde marcou 14 gols. Porém, não conseguiu evitar o rebaixamento da equipe à segunda divisão nacional.

A saber, com um bom desempenho, Aloísio despertou o interesse de grandes clubes do futebol brasileiro. Consequentemente, uma dessas equipes era o São Paulo, que contratou o atacante no final de 2012, visando a disputa da Copa Libertadores. Ou seja, ele viria inicialmente para compor o elenco Tricolor.

Passagem no São Paulo

De antemão, num ano instável do Tricolor, como foi no Figueirense, Aloísio novamente se destacou. Assim, a partir da chegada do técnico Muricy Ramalho, o atacante passou a ter grande importância no plantel do São Paulo.

Com 17 gols, o Boi Bandido foi crucial para o São Paulo naquela temporada, ajudando a equipe a fugir do rebaixamento e subir na tabela, assim caindo nas graças da torcida. Ou seja, como resultado dessas atuações, o jogador se transferiu para o futebol chinês, buscando novos ares.

aloísio
Aloísio comemorando gol com a camisa do São Paulo. (Foto: Reprodução/ 90min)

O início arrasador na China

Então, Aloísio foi contratado pela equipe chinesa do Shandong Luneng, por cerca de £ 5 milhões, à pedido do então técnico, Alexi Stival, o Cuca. A saber, o começo no outro lado do mundo foi avassalador. Na sua passagem pelo clube, ele ganhou dois títulos: A Taça da China 13/14 e a Supercopa em 14/15, além de ser o artilheiro da Superliga Chinesa em 14/15 com 22 gols.

Além disso, ele atuou no Hebei Fortune, de 2016 a 2017, e no Guangdong Tigers entre 2018 e 2019. Como consequência, obteve bons números, fato que o levou a ser contratado por um dos maiores clubes do país, o Guangzhou Evergrande, em 2020.

A consolidação no futebol chinês

Atualmente, Boi Bandido é um dos maiores atacantes do futebol da China, possuindo uma grande identificação com os torcedores. Além disso, Aloisio se naturalizou chinês, com a alcunha de Luo Guofu, enfim, podendo atuar pela seleção local.

Em suma, aos 32 anos, o atleta inegavelmente já deixou um grande legado em terras chinesas, sendo muito reconhecido por seus feitos. Bem como, Aloísio irá atuar durante algumas temporadas no Guangzhou. No entanto, ele deixa claro que tem o desejo de retornar a um time onde fez uma boa passagem e deixou saudades, o São Paulo F.C.

 

Informações Adicionais Importantes

Nome completo: Aloísio dos Santos Gonçalves

Nasc./Idade: 19/06/1988 (32)

Local de nascimento: Araranguá(SC)

Nacionalidade: Brasil

Altura: 1,70 m

Posição: Atacante – Centroavante

Agente: Brazil Soccer

Desenvolvimento e Valor de Mercado: 300 mil € – Última alteração: 26/12/2020

Conquistas

Títulos / Temporadas

1x Campeão Catarinense

2011 Chapecoense Associação Chapecoense de Futebol

1x Campeão da Taça da China

13/14 Shandong Luneng Taishan Shandong Luneng Taishan

1x Campeão da Supercopa Chinesa

14/15 Shandong Luneng Taishan Shandong Luneng Taishan

1x Artilheiro

14/15 Chinese Super League Chinese Super League (22 Gols)

De antemão, vale lembrar que Aloísio atuou pelo Guangzhou três vezes. Todavia, Campeonato Chinês esteve paralisado em 2020, por conta da pandemia de Covid-19.

Foto destaque: Reprodução/Instagram/aloisio19ASG

Daniel Santana

Redação Inglês

Bet 7


Related Post