ATP 250 de Gstaad

Começa nesta segunda (19) o ATP 250 de Gstaad, com final marcada para o dia 25 deste mês. Primeiramente, o destaque fica para a busca de #89 Feliciano Lopez pelo 2º título do torneio. Por outro lado, #10 Denis Shapovalov, #14 Casper Ruud, #19 Cristian Garin, #16 Roberto Bautista Agut, #46 Federico Delbonis e #49 Benoit Paire são alguns dos candidatos que buscam o primeiro troféu do torneio.

Principais candidatos ao título do ATP 250 de Gstaad 2021

Denis Shapovalov

O canadense, que busca o seu 1º troféu do ano, é o principal cabeça de chave do torneio. Desse modo, Shapovalov já começa na 2ª rodada, onde enfrentará #409 Johan Nikles ou #249 Vit Kopriva, que se enfrentam na 1ª rodada. Logo depois, nas quartas de final, pode encontrar Feliciano Lopez, 8º cabeça de chave do torneio. A saber, Shapovalov vence por 2 x 0 o confronto direto contra Lopez.

Advertisement

Na semifinal, pode enfrentar Casper Ruud, 3º cabeça de chave. Se o encontro ocorrer, será o segundo jogo entre os dois este ano, o primeiro foi pelo ATP 250 de Genebra, no qual Ruud venceu por 2 x 0. Posteriormente, na grande decisão, pode encontrar Garin ou Bautista Agut, 2º e 4º cabeças de chave. Por fim, se vencer o ATP 250 de Gstaad, será o 2º troféu de Shapovalov na carreira.

Roberto Bautista Agut

O espanhol é o 2º cabeça de chave do torneio, e por isso estreia na 2º rodada. Seu 1º adversário será o vencedor do duelo entre #100 Arthur Rinderknech e #281 Dominic Stephan Stricker. Adiante, pelas quartas de final, pode encontrar #52 Laslo Djere, 7º cabeça de chave, ou #118 Thiago Wild. Bautista Agut venceu o único duelo contra Djere, em  2018, pelo torneio de Gstaad, por outro lado, nunca enfrentou Wild.

Posteriormente, na semifinal, o adversário seria Cristian Garin. O único jogo entre os tenistas foi este ano, no Masters 1000 de Roma, Bautista Agut venceu por 2 x 0, com parciais de 7/6 (5) e 6/3. Logo depois, na final pode encontrar Shapovalov ou Ruud. Em conclusão, se vencer o torneio Roberto Bautista Agut conquistará o seu 10º troféu na carreira.

Casper Ruud

Buscando o 3º troféu no ano, venceu o ATP 250 de Genebra e o ATP 250 de Bastad, o norueguês é o 3º cabeça de chave. Desse modo, Ruud já começa na 2ª rodada, onde enfrentará #170 Kacper Zuk ou #124 Dennis Novak, que se enfrentam na 1ª rodada. Logo depois, pode encontrar #49 Benoit Paire, 6º cabeça de chave. Se o embate ocorrer, será a terceira partida entre eles no circuito, Ruud venceu os outros dois encontros.

Na semifinal, pode encontrar Shapovalov ou Lopez. Casper Ruud venceu a única partida disputada com Shapovalov, mas nunca enfrentou Lopez pelo circuito. Posteriormente, na grande decisão pode enfrentar Bautista Agut  ou Garin. Em suma, caso ganhe o torneio, será o 4º troféu de Ruud na carreira, todos conquistados no saibro.

Cristian Garin

Buscando o 2º caneco no ano, venceu o ATP 250 de Santiago, o chileno é o 4º cabeça de chave do torneio. Primeiramente, enfrenta o vencedor de #147 Marc Polmans #408 Sandro Ehrat. Logo depois, nas quartas de final, pode encontrar #46 Federico Delbonis, 5º cabeça de chave. A saber, Garin venceu a única partida entre os dois por 2 x 0, com parciais de 6/4 3 6/3, válida pelo Rio Open de 2020.

Posteriormente, na semifinal, pode enfrentar Roberto Bautista Agut. Logo depois, na final pode encontrar Shapovalov ou Ruud. Garin empata o confronto direto com Shapovalov por 1 x 1, por outro lado, vence a disputa com Ruud por 2 x 0. Em síntese, se vencer o ATP 250 de Gstaad será o 6º caneco de Garin na carreira. Assim como Casper Ruud, todos o títulos do chileno foram no saibro.

Jogos interessantes da 1ª rodada do ATP 250 de Gstaad

Mikael Ymer x Enzo Couacaud

Tallon Griekspoor x Juan Ignacio Londero

Jozef Kovalik x Benoit Paire

Federico Delbonis x Leandro Riedi

Hugo Gaston x Juan Manuel Cerundolo

Laslo Djere x Thiago Seyboth Wild

Oscar Otte x Zizou Bergs

Foto Destque: Divulgação/SwissOpenGstaad

Luis Henrique Gregório
Oi, sou Luís Henrique Gregório, tenho 22 anos e sou um quase jornalista. O gosto por esse maravilhoso mundo dos esportes me acompanha desde pequeno, primeiramente com o futebol e depois com o tênis, vôlei, atletismo, curling e por aí vai. Portanto, a possibilidade de poder informar as pessoas, falar sobre esportes, estar envolvido com esse meio me fez escolher cursar a graduação na área. Então é isso, vamos juntos nos aventurar por esse mundo esportivo e espero que gostem das matérias.

Cyber


Related Post