Atlético-GO

Nesta terça feira (6), o Atlético-GO anunciou oficialmente a contratação do experiente zagueiro Werley. O defensor de 32 anos estava sem clube desde seu desligamento com o Vasco. Inclusive, o jogador já estava usando as instalações do clube para manter a forma física.

Aliás, Werley chega ao Atlético-GO com uma dura e diferente missão. Afinal, o atleta terá que substituir seu próprio irmão. Posto que, Nathan que estava emprestado aos goianos voltou para o Atlético-MG na semana passada a pedido do técnico Cuca.

Com a saída de Nathan, que era titular absoluto da zaga ao lado de Éder, Werley chega com a expectativa de brigar por uma vaga entre os 11 do Dragão. No entanto, essa tarefa não vai ser tão fácil como esperava-se. Já que, Oliveira que vem sendo o substituto de Nathan, vive grande fase. Inclusive, no duro confronto contra o Grêmio no último domingo (4), o atleta foi um dos destaques do time.

Na última segunda-feira (5), antes do anúncio oficial, Werley já apareceu no Boletim Informativo Diário da CBF (BID). Com isso, o jogador está regularizado e deve ser opção para Eduardo Barroca no duelo contra o Sport pela 10ª rodada do Brasileirão na próxima quarta-feira (7).

Problemas no Vasco

Jogador do Vasco desde de 2018, Werley não estava nos planos do treinador Marcelo Cabo quando chegou no clube no início de 2021. Com isso, o jogador foi afastado e começou a treinar separado dos demais companheiros. Assim, o atleta decidiu entrar na justiça contra sua equipe pedindo a quebra contratual e cobrando uma dívida de R$ 8.756.696,06.

Portanto, no mês passado o jogador venceu o Vasco na justiça e conseguiu a rescisão unilateral. Sendo assim, o atleta está livre no mercado desde então. Aliás, o experiente defensor atraiu o interesse do Ceará, mas o Atlético-GO venceu a concorrência e fechou com o zagueiro.

Foto destaque: Reprodução/Atlético-GO

João Marcelo Felix on Email
mm
Meu nome é João Marcelo, paulista de 20 anos, sou estudante de jornalismo do 6º semestre da UnicSul. Tenho como foco o jornalismo esportivo e dentro dele o futebol é o que mais chama a minha atenção. Quando eu era criança meu sonho como de muitos era ser jogador de futebol, ao longo do tempo vi que meu lugar não era dentro de campo e sim fora, então decidi unir minhas duas paixões: escrever e futebol, para me tornar um jornalista esportivo.

Cyber


Related Post