Vasco x Avaí

Tem dia que é noite“, foi assim que o o auxiliar Fábio Cortez definiu a atuação do Vasco diante do Avaí, pela 4ª rodada da Série B, em São Januário. O auxiliar substituiu Marcelo Cabo (suspenso), mas não fez muita diferença no banco. A equipe perdeu por 2 x 0 para o Leão da Ilha, até então, lanterna do campeonato. O Cruz-Maltino já soma duas derrotas em casa no Brasileirão. Além disso, os resultados mostram que o time só tem regredido, após o fim da Taça Rio.

Vasco x Avaí – O jogo na colina

Embora tivesse mais posse de bola, os cariocas não tinham o controle do jogo. Posse de bola sem muitas ações ofensivas não resultam em gols, e esse foi o Vasco na partida contra o Avaí. A equipe catarinense foi muito mais perigosa nas poucas vezes que chegou. Por sua vez, o time da casa, que entrou com Miranda (ZAG), Juninho (VOL) e Michel (VOL), teve os mesmos bloqueios de outros jogos apesar das mudanças.

Advertisement

Em primeiro lugar, Marquinhos Gabriel esteve muito engessado em campo. O meia, muito sobrecarregado, não esteve livre o suficiente para criar. Como resultado, o time teve problemas não só em abastecer seus atacantes, como também no excesso de erros de marcação. Aliás, muda-se a escalação, mas os erros persistem. Aquele time que sabia ocupar todos os espaços, que conseguia impor certa intensidade no início do ano não evoluiu.

Assim, nesta quarta-feira (16), em São Januário, o lanterna Avaí conseguiu construir sua vitória ainda no 1º tempo. O primeiro gol do Leão foi aos 27′, o atacante Getúlio aproveitou um cruzamento e cabeceou forte na segunda trave para abrir o placar. A resposta vascaína veio aos 35′, uma bola alçada na área resvalou no braço de Ricardo Graça, que mandou para o gol, mas o juiz anulou.

A vitória do Avaí foi definida da forma mais comum para a defesa da casa. Em uma bobeira do lateral Léo Matos, que errou o corte, Getúlio dividiu com Vanderlei e a bola sobrou para Renato fazer o segundo e fechar o placar na colina. Foi a primeira vitória do time da Ressacada na Série B 2021, com o triunfo fora de casa a equipe saiu da lanterna e subiu para o 13º lugar com quatro pontos.

Protesto da torcida

Como resultado, o Gigante da Colina chega a sua segunda derrota, em São Januário, na Série B. Vale Lembrar que o time não vence em casa desde a final da Taça Rio, quando perdeu para o Botafogo. A equipe soma uma vitória, um empate e duas derrotas no Brasileirão e caiu para o 14º lugar (4pts). Os maus resultados geraram uma resposta violenta de alguns torcedores nos arredores do palco do jogo, após a derrota.

Na saída do estádio, um grupo de torcedores atirou pedras em direção ao carro do jogador Bruno Gomes. Matías Galarza estava com o atleta no automóvel, mas ninguém se feriu. Bruno usou as redes sociais para lamentar o ocorrido na noite desta quarta-feira (16), mas retirou o post pouco depois.

Com o atual cenário, Marcelo Cabo vai precisar arrumar a casa antes que a equipe perca mais pontos dentro de casa no Brasileirão. Neste sábado (19), às 16h30, a equipe volta a jogar em casa. Recebe o CRB-AL pela 5ª rodada.

MELHORES MOMENTOS –  VASCO 0 X 2 AVAÍ

Foto: Reproducao/Thiago Ribeiro/AGIF

mm
Escolhi o jornalismo porque sou apaixonada por escrever e por grandes histórias. Escrever sobre futebol não é um trabalho pra mim, é um hobby. Hoje curso Relações Públicas e pretendo um dia trabalhar na comunicação interna de um clube de Futebol.

Cyber


Related Post