Beatriz Ferreira fica com a medalha de Prata nas Olimpíadas (Foto: Reuters / Ueslei Marcelino)

Na madrugada de domingo (8), Beatriz Ferreira entrou no ringue na disputa pelo Ouro. A disputa foi contra a irlandesa Harrington. Em suma, após os três assaltos a brasileira perdeu por decisão unânime dos juízes, por  5 x 0. A saber, o melhor round da Bia foi o 1º, no qual ela garantiu os melhores golpes. Sendo assim, ficou com a medalha de prata.

1º ROUND

Nos primeiros 10 segundos, ambas boxeadoras estudaram muito o confronto. Com isso, tanto a irlandesa quanto a brasileira mantiveram a distância para evitar uma sequência de golpes logo no início de ambos os lados. Porém, com o passar do tempo, a Beatriz se soltou no ringue e encaixou excelentes ataques. A saber, no 1º round, Ferreira venceu de acordo com três dos cinco juízes.

Advertisement

2º ROUND

Com as ações já estudadas, Harrington se encontrou no ringue. Dessa forma, mesmo mais alta, teve uma mobilidade maior e encaixou as melhores oportunidades. Em suma, após os três minutos os cinco juízes viram uma vitória clara para a irlandesa com todas as notas 10. A saber, a Beatriz acertou alguns golpes, sejam eles diretos ou uppercuts. Porém, não foi o suficiente.

3º ROUND

Precisando de um assalto perfeito, a Beatriz foi para o tudo ou nada neste round. Sendo assim, logo nos segundos iniciais, a brasileira foi com tudo para cima de Harrington. Contudo, a Kate conseguiu conter o ânimo brasileiro e equilibrou as ações. A Ferreira teve um bom desempenho, mas não superou a irlandesa.

BEATRIZ FERREIRA X K.A HARRINGTON

Ao final dos nove minutos, Beatriz Ferreira e Harrington estavam confiantes na vitória. No entanto, o 2º round foi o decisivo para a vitória da irlandesa. Em suma, a brasileira se entregou no duelo, contudo a Kate foi melhor. Sendo assim, a irlandesa levou o Ouro nas Olimpíadas, deixando a Prata com a Bia.

MELHORES MOMENTOS – BEATRIZ FERREIRA X K.A HARRINGTON

Em Breve…

Foto Destaque: Divulgação/ Reuters / Ueslei Marcelino

João Fellipe Ramos
Sou João Fellipe, comecei na área da comunicação desde pequeno, pois, eu adorava ler histórias ou assistir jogos e ficar contando pra todo mundo o que eu achei e como era bom aquilo.
Trabalhei antes da FNVSports em uma editoria de entretenimento musical, onde escrevia matérias voltadas ao mundo do hip-hop nacional e internacional.
Sou uma pessoa muito dedicada ao esporte e acompanho qualquer jogo que seja transmitido, busco passar a emoção para quem está lendo como se ela estivesse vendo o jogo.

Related Post