Ceará

A equipe feminina do Ceará não conseguiu o acesso à elite do futebol feminino. Assim, a promoção era o prêmio desejado pelo Vozão. A campanha contabilizou nove jogos, sete vitórias e 27 gols. As meninas foram superadas pelo Cresspom, no jogo de volta das quartas de final do Brasileiro Feminino A2.

O treinador Jorge Victor disse que existem pontos evidentes que precisam ser melhorados. Além disso, lembrou que é necessário reconhecer os méritos do adversário.

Advertisement

Fala, Jorge Victor:

“Todas as derrotas são duras, e essa foi ainda mais. Pela terceira vez o clube bate na trave e permanece na A2. Acredito que o melhor para o momento é a reflexão e avaliação de todos”, comenta Jorge Victor.

“Fizemos uma excelente campanha, existem pontos evidentes que precisamos melhorar, mas não podemos deixar de destacar a dedicação de todos os envolvidos. Uma pena não termos levado a melhor na disputa de ontem”, completou.

A saber, o Ceará caiu nas quartas de final da Série A2. Ou seja, equipe feminina do Vozão se prepara para o Campeonato Cearense. Vale ressaltar que a competição ainda não tem início definido.

Sequência de temporada para o Ceará

“Após esta avaliação é necessário seguirmos em frente. Teremos duas competições pela frente, a Copa do Nordeste e o Estadual. Devemos honrar o nome do clube com todas as nossas forças. E trabalhar para alcançar aquilo que apontarmos como objetivo para cada uma das competições”, conclui.

Brasileirão na reta final

A Série A2 está na reta final. Assim, veja os jogos da semifinal do Brasileirão: Esmac x Bragantino e Cresspom x Atlético-MG. A saber, os jogos ainda terão datas e locais marcados. As quatro equipes já estão classificadas à elite.

Foto Destaque: Divulgação/Ceará SC

Matheus Henrique Petolini
Escolhi fazer jornalismo em virtude da paixão pela comunicação, especialmente quando falo sobre futebol. Fiz estágio colaborativo na Premier League Brasil (03/2020 a 02/2021), para a editoria de Instagram. No momento, me vejo aberto para variadas opções dentro do jornalismo. Mas, com toda certeza, tenho o sonho da especialização em jornalismo esportivo. Gosto de novos desafios, pois são essenciais para o desenvolvimento de qualquer profissional. Logo, me vejo como uma pessoa bastante colaborativa e democrática, no campo das ideias e debates.

Related Post