Seleção australiana de surf com passaportes carimbados

A Austrália é um berço de grandes surfistas. No entanto, desta vez, eles terão que formar uma equipe australiana para competir. Uma pequena ilha na Oceania pode ser capaz de produzir grandes fenômenos.

Assim, entre vários talentosos surfistas surgiram 4 nomes: Owen Wright, Stephanie Gilmore, Julian Wilson e Sally Fitzgiboons. Portanto, este será o esquadrão australiano para as olimpíadas de verão, em Tóquio.

Advertisement

Equipe feminina

Dessa forma, as duas mulheres que compõem a equipe de surfistas australianas são Stephanie Gilmore e Sally Fitzboons. Stephanie Gilmore tem a chance de adicionar a medalha de ouro olímpica ao seu extenso cartel de campeonato vencidos. A heptacampeã venceu seu primeiro título ainda na temporada em que era novata, em 2007.

Assim como Layne Beachley, Gilmore é a maior vencedora na história do surf. Sally Fitzgiboons é tricampeã mundial. Surpreendendo a todos ao terminar sua primeira temporada em 5° lugar no ranking. Nas temporadas seguintes, 2011 e 2012, terminando em 2° lugar. Chegando muito perto de alcançar seu sonho.

Em 2019 Sally estava em busca do título mundial depois de uma vitória na etapa do Rio. Em seguida, Sally caiu para 4° lugar no ranking, mas conquistando sua vaga na equipe olímpica. Assim, Sally Fitzgiboons representou a Austrália em competições juniores e agora, profissionais.

Equipe Masculina

O lado masculino da equipe australiana terá Julian Wilson e Owen Wright. Owen viu sua grande chance de conquistar o primeiro título mundial escapar em 2015, quando se machucou antes da etapa de Pipeline. O trauma sofrido na cabeça durante uma sessão de aquecimento fez com que ficasse a temporada 2016 inteira do fora do circuito mundial.

Apesar disso, Owen Wright retornou na temporada de 2017 vencendo a primeira etapa do campeonato mundial em Snapper Rocks, Queensland, Austrália. Posteriormente, Owen terminaria a temporada de 2017 e 2018 entre o top 6 no Jeep Leaderboard.

Assim como Owen Wright, seu companheiro de equipe Julian Wilson nunca conseguiu um título mundial. Julian chegou perto do título em 2018, mas terminou em 2° lugar no campeonato. Sua melhor colocação até este ponto de sua carreira.

Na etapa de Pipeline, Havaí, em 2019 Julian conseguiu terminar entre o top 1o do Jeep Leaderboard e garantindo uma vaga nas olimpíadas de Tóquio 2020, do mesmo modo que seu companheiro.

Atualmente, Julian decidiu de afastar do circuito mundial para passar mais tempo com sua família, alegando que é difícil transportar todos em viagens internacionais. Semelhante ao Brasil e Estados Unidos, a Austrália conta com surfistas de peso em seu time.

Foto destaque: Brendon Thorne/Getty Images

mm

Cyber


Related Post