Skate - Atletas Brasileiros

A modalidade do Skate, entra em vigor a partir dessas Olimpíadas. Sendo assim, faltando quatro dias, resolvemos trazer as grandes promessas para esses jogos. Para resumir, o Brasil é uma das principais potências do esporte. E fechou as eliminatórias para os jogos, preenchendo o limite máximo de atletas, sendo 12 no total entre as modalidades de Street e Park. Ambas com equipes femininas e masculinas. 

Quem são os atletas do Skate?

Consequentemente, a delegação brasileira é formada por Kevin Hoefler, Felipe Gustavo e Giovanni Vianna. 

Advertisement

Kelvin Hoefler

Em primeiro lugar, o paulista, nascido em Guarujá-SP, em 10 de fevereiro de 1994, é um grande candidato para brigar por medalhas em Tóquio. Sua história, deu início aos oito anos, em casa. Seu pai, foi o maior incentivador, que inclusive o presenteou com seu primeiro skate. 

Melhores desempenhos

Acima de tudo, a rua de sua casa, no litoral paulista, era de terra. Devido a isso ele andava da cozinha até a garagem, onde foi improvisada uma mini rampa e alguns obstáculos. Segundo o skatista, em entrevistas, seu lado competitivo foi aflorado através de orientações e da rigidez do pai, policial militar.

O atleta de 27 anos já conquistou seis títulos mundiais pela WCS. Também já foi campeão da SLS . A principal competição do esporte no mundo. Como resultado, em 2015, quando superou Nyjah Huston e o brasileiro Luan de Oliveira. 

Já no X Games, o principal evento de esportes radicais, ele acumula cinco medalhas. Sendo: duas de ouro, uma de prata e duas de bronze. 

Felipe Gustavo

Brasiliense, nascido em 22 de março de 1991. O atleta cresceu em Guará, Brasília e foi introduzido no skate aos sete anos pelos irmãos mais velhos. Decerto, com seus 15 anos ele largou a escola para se dedicar ao esporte e se mudou para os Estados Unidos. 

Além disso, aos 16 anos Felipe venceu o Tampa Am na Flórida e ganhou destaque nacional. Em novembro de 2013 ele se tornou skatista profissional. Depois no ano de 2015 ele precisou lutar contra lesões que retardaram a sua temporada inaugural no SLS. Em suma, 2019 ele voltou ao pico de desempenho e já foi selecionado para a primeira equipe brasileira. 

Giovanni Vianna

Nascido no ano de 2001, em Santo André no ABC Paulista. Giovanni teve seu primeiro contato com o esporte aos dois anos. Decerto, segundo as histórias que seus pais contam, ele gostava de observar os meninos da rua e assim começou a testar o seu equilíbrio. Ele ganhou seu primeiro skate no segundo aniversário.

Além disso, Aos quatro anos ele já corria em eventos pelo Brasil. Em sua bagagem de competições ele já acumula uma vitória no PHX Am. Logo após isso, com 19 anos, ele se tornou skatista e ganhou grande destaque na categoria. 

Para finalizar, neste ano, aos 20 anos, ele se prepara para ganhar destaque no maior evento esportivo do mundo.

O que esperar do Skate nas Olimpíadas?

Sendo assim, as competições do street masc. acontecem no próximo sábado (24), às 21h (horário de Brasília). A modalidade foi escolhida para estrear o programa olímpico. Por fim, já os desafios são uma réplica para simular o cenário urbano das grandes cidades e ganha a competição quem conquistar a maior nota entre os jurados. 

Foto Destaque: Reprodução/CBSk

Gabriela Nascimento
Jornalista, apaixonada por comunicação, em especial pelo jornalismo esportivo, afinal ele foi minha grande motivação na escolha da graduação. Acompanho NBA, sou Lakers, amo o skate street e também aplico um tempo no Wild Rift.
Estou aqui construindo um sonho!

Cyber


Related Post