Corinthians

Neste domingo (21) o Corinthians e o Independient Santa Fé se enfrentaram na final da Libertadores 2021. O jogo aconteceu no estádio Parque Central, em Montevidéu, às 20h (horário de Brasília). Logo, com a presença da torcida alvinegra, o Timão consagrou-se por 2 x 0 tricampeão da competição.

1º Tempo – Corinthians abre o placar

Antes de tudo, o primeiro tempo começou com o Santa Fé pressionando muito. Logo, a goleira Kemilli fazia boas defesas. Na cobrança de escanteio das colombianas, a defesa corintiana levou a melhor e conseguiu um contra-ataque. Adriana, que comandava a jogada, conseguiu abrir o placar com um golaço de cabeça.

Advertisement

Logo após, o Corinthians pressionava a saída de bola e trocava passes para chegar ao gol. Aos 30′, o Santa Fé chegava com força e tentou igualar o placar, mas Kemilli fez uma ótima defesa. Em seguida, nos minutos finais do jogo, Adriana roubou a bola pelo meio e acionou a Zanotti, que lançou para a Tamires. A bola chegou com qualidade para a Gabi Portilho, que ampliou o placar, e o primeiro tempo chegou ao fim com 2 x 0 para a equipe brasileira.

2º Tempo – O tricampeonato alvinegro

Em contrapartida, o Corinthians voltou a campo sem alterações. O time da Colômbia pressionava e conseguia a primeira finalização a gol da partida. Portilho chegou perto de marcar mais uma vez, mas não conseguiu. As colombianas responderam rapidamente e Gauto chutou alto, mas a bola saiu. Apesar disso, as meninas alvinegras exploravam bastante as jogadas aéreas pelo lado esquerdo.

Aos 20′, o técnico Arthur Elias fazia as primeira alteração: Jheniffer e Poliana nos lugares da Vic Albuquerque e Katiuscia. Em seguida, as alvinegras construíam boas jogadas pelo meio e Adriana se livrava da marcação rapidamente. Logo depois, mais uma alteração no time brasileiro: Ingryd entrou no lugar de Diany.

Nos minutos finais, o Santa Fé tentava de tudo para fazer um gol, mas sem sucesso. A partida chegou ao fim e o Corinthians sagrou-se tricampeão da Libertadores Feminina 2021.

MELHORES MOMENTOS

Foto Destaque: Reprodução/Conmebol

Gabrielle Sena
Escolhi o jornalismo por que eu sempre tive paixão pelas palavras. Desde muito nova eu escrevia sobre tudo e de alguma forma eu sentia que era ouvida. Sou Gabrielle Sena, tenho 22 anos, moro na capital de São Paulo, jornalista e atualmente faço pós-graduação em Jornalismo Esportivo. Eu sempre quis ser escritora, entrei no jornalismo para poder aperfeiçoar minha paixão. Durante a faculdade escrevi um livro reportagem sobre Mães Narcisistas, entrevistei 20 mulheres de todos os lugares do país e contei as suas histórias. Escrever um livro foi a minha maior conquista.
O Esporte me faz sair da minha zona de conforto. Sou muito persistente com o que eu quero e me esforço 100%. Meu objetivo é crescer como jornalista e continuar me desafiando todos os dias.

Bet 7


Related Post