Pia Sundhage convoca seleção sem Cristiane

Nesta sexta-feira (18), revelou-se a lista da Seleção brasileira feminina para as Olimpíadas de Tóquio. Assim, a técnica Pia Sundhage deixou de fora a atacante Cristiane, 36 anos, e causou debate. Desse modo, a atleta fica de fora de um torneio global (Olimpíadas e Copa do Mundo) primeira vez desde 2003. Além disso, Cris tem mais gols em jogos olímpicos na história com 14 gols, em quatro edições.

Antes de mais nada, as surpresas não param por ai. A saber, Andressa Alves, da Roma, esteve em alguns jogos, mas ficou de fora e Duda, do São Paulo, disputou apenas quatro partidas e foi chamada. Ademais, das 18 atletas da lista, sete são novatas no torneio. Todavia, Marta e Formiga são pilares que estão em busca da primeira medalha da equipe.

Advertisement

ABRE ASPAS

Geralmente não comento atletas que não estão na convocação porque é quase um insulto àquelas que estão na lista, mas vou responder em respeito à Cristiane. Ela jogou diversas partidas com a seleção, muitos torneios e ela fez muita diferença naquela época. Antes, ela ajudou muito a equipe e hoje eu acredito que existem outras jogadoras que vão ajudar a equipe a jogar um bom futebol. Temos olhado de perto o futebol que ela tem jogado no clube – afirmou Pia.

CONFIRA A LISTA SEM CRISTIANE

Goleiras – Bárbara (Avaí/Kindermann) e Letícia Izidoro (Benfica-POR). Além disso, Defensoras – Poliana (Corinthians), Bruna Benites (Internacional), Rafaelle (Palmeiras), Erika (Timão), Tamires (Coringão), Jucinara (Levante-ESP). Logo após, Meias – Formiga (São Paulo), Andressinha (Corinthians), Júlia Bianchi (Palmeiras), Marta (Orlando Pride-EUA), Duda (São Paulo), Debinha (North Carolina Courage-EUA), Adriana (Corinthians). Por fim, Atacantes – Ludmila (Atlético de Madrid-ESP), Bia Zaneratto (Palmeiras) e Geyse (Madrid CFF).

SUPLENTES (PARA CASOS DE TROCA POR LESÃO)

  • Aline Reis, goleira (Granadilla Tenerife-ESP)
  • Andressa Alves, meia (Roma-ITA)
  • Letícia Santos, lateral (Eintracht Frankfurt-ALE)
  • Giovana Queiroz, atacante (Barcelona-ESP)

Foto Destaque: Reprodução/ Lucas Figueiredo/ CBF

mm
Escolhi o jornalismo porque queria contar histórias, participará dela também. Já estagiei na assessoria de imprensa de um órgão do governo do Rio de Janeiro. Fiz trabalhos voluntários no meio religioso e político, participei de um programa de debate na rádio na faculdade.

Related Post