George Russell próximo de ser o novo piloto da Mercedes

Com algumas incertezas para a próxima temporada, a Mercedes também não decidiu quem será o seu segundo piloto em 2021. Ao que tudo indica, a disputa está entre o atual companheiro de Lewis Hamilton, o finlandês Valtteri Bottas e o jovem inglês George Russell. Por fim, a definição deve ocorrer nas próximas semanas para iniciarem as programações no ano seguinte.

Quem a Mercedes deve escolher?

Acima de tudo, Toto Wolff quer continuar com a sua Scuderia entre as melhores no grid, por isso conta com a presença do heptacampeão e dá uma pequena preferencia por Russell como segundo piloto. Entretanto, o dirigente das Flechas Prateadas segue afirmando que Bottas vem cumprindo um bom trabalho, fazendo a equipe estar na liderança do Campeonato de Construtores.

Advertisement

Vale destacar que o jovem piloto vem fazendo história, tanto que pontuou no GP da Hungria com sua Williams. No GP de Spa-Francochamps, mesmo com muita chuva, o inglês largou na 2ª colocação e conquistou seu primeiro pódio, mesmo tendo um dos “piores” carros no grid.

O que Lewis Hamilton pensa sobre o assunto?

Consequentemente, com vários rumos, alguns jornalistas perguntaram a Hamilton sobre quem poderia ser o seu companheiro de equipe. O esportista, despistou sobre o futuro da Scuderia, mas fez muitos elogios para a nova sensação do campeonato e em tom de despedida falou do finlandês.

“Mas o meu foco agora é no trabalho que eu e o Valtteri precisamos fazer. Tenho orgulho de trabalhar ao lado dele. Ele é um ser-humano decente e esse é um dos motivos principais de porque eu o respeito. Além disso, ele é um oponente difícil, pois nunca desiste, continua indo para cima. E ele me ajudou a conquistar os títulos que tenho hoje. Não poderia tê-lo feito sem ele”, disse o Heptacampeão.

Honestamente, acho que vai ser bom. Acho o George um piloto incrivelmente talentoso. Eu diria que o ponto alto do GP da Bélgica foi a volta dele na classificação, foi incrível. Ele é humilde e, sendo britânico, acho que a comunicação seria até mais fácil. Ele é o futuro. É um dos pilotos que representa o futuro do esporte. Ele tem mostrado uma pilotagem incrível até agora, mas tenho certeza que ele seguirá evoluindo, então que lugar melhor para isso do que um time como o nosso, ou qualquer lugar que ele vá”, concluiu Hamilton.

Caso, a parceria entre Bottas e a Mercedes acabe, o esportista deve continuar a pilota na F1 para 2022. Uma das equipes interessadas pelo piloto é a Alfa Romeu, que anunciou essa semana que Kimi Räikkönen irá de aposentar da categoria.

Foto Destaque: Divulgação/F1

Bruno Gabriel
Olá, meu nome é Bruno Gabriel, tenho 21 anos e estudo Jornalismo na Universidade Metodista de São Paulo. Pretendo seguir na área de esportes, é um sonho desde criança. Espero alcançar os maiores eventos esportivos com muita criatividade e bom humor. Instagram: @bruhh_g21.

Cyber


Related Post