rúgbi

Os Jogos Olímpicos de Tóquio começaram e com certeza você vai ter acesso à diferentes tipos de esportes e de história. Inclusive, o rúgbi.

E, a princípio, uma destas histórias, que não se passa em uma Olimpíada, virou um filme estrelado por Morgan Freeman e Matt Damon. O longa-metragem Invictus, de 2009, mostra a saga da África do Sul na Copa do Mundo de Rúgbi de 1995.

Advertisement

Na ocasião, o país havia sido liberto recentemente do regime apartheid (palavra vinda do africâner, que significa “separação”), que segregava povos nativos de povos de origem europeia.

Contudo, apesar da tradição, os Springboks (como é chamada a seleção sul-africana de rúgbi) não eram os favoritos. E sim, os poderosos All Blacks – seleção da Nova Zelândia – capitaneada pela “máquina” Jonah Lomu. A saber, considerado por muitos, o maior jogador da história do esporte. Aliás, que foi morto em 2005, aos 40 anos.

Por consequência, a partida final, disputada no mítico estádio Ellis Park em Johannesburgo, terminou na prorrogação de uma maneira dramática e emocionante. Sem nenhum try no 1º tempo, o placar final foi 15-12 para a seleção local. Como resultado, este foi o primeiro título dos atuais campeões do mundo no esporte.

Mandela PienaarNelson Mandela e François Pienaar (Foto: Reprodução/Uai e Reprodução/AdoroCinema)

Dessa forma, além do cenário de tensão social e de muita esperança, o filme retrata a conversa entre o presidente Nelson Mandela e o capitão François Pienaar, onde Mandela agradece Pienaar pelo título e o capitão responde: “Não, Sr. presidente, muito obrigado pelo o que você fez ao nosso país!”

Curtiu? Assista ao filme e acompanhe tudo sobre o rúgbi em Tóquio aqui na FNV Sports!

Foto destaque: Reprodução/Uai e Reprodução/AdoroCinema

Guilherme Conde on Email
mm

Related Post