Haven Sepherd bomba

Haven Sepherd, nadadora da delegação americana de natação paralímpica, tem uma grande história por trás de sua vida pessoal. Uma bomba ativada pelos próprios pais em tentativa de suicídio coletivo quase deu um fim à vida de Haven. No entanto, ela foi lançada na explosão e conseguiu sobreviver.

História de Haven Sepherd

Nascida no Vietnã, os pais biológicos de Haven viviam uma relação extraconjugal. Apesar disso, não queriam se separar. Por morarem em uma cidade pequena, também tinham receio dos julgamentos sobre eles. Sendo assim, a opção escolhida foi se amarrarem em uma bomba e ativá-la. Quando tomaram essa decisão, Sepherd ainda tinha 1 ano de vida.

Advertisement

Então, foi feito. Com isso, os pais de Haven morreram na hora. No entanto, a pequena menina foi lançada no ar pela explosão. Logo após, foi encontrada e socorrida pelos médicos. Devido aos ferimentos da queda, ela teve que ter as duas pernas amputadas.

Em entrevista concedida à Revista People, a esportista disse: “Eu só perdi minhas pernas, poderia ter perdido a vida”. De fato, a atleta teve uma segunda chance de viver. Pois, cerca de seis meses depois, Shelly e Rob adotaram a menina. Sua nova família era norte americana, e a criou de forma grandiosa. Com grande incentivo aos esportes, começou a trajetória no atletismo. No entanto, não demorou muito para entrar no mundo aquático e se encontrar. Hoje, com 18 anos, Haven Sepherd é oficialmente uma atleta norte americana de natação, e irá competir nas Paralimpíadas em Tóquio.

Além disso, a vietnamita-americana também é modelo e pratica crossfit (adaptado). Assim, Sepherd registra muitas de suas práticas em seu Instagram: @havenfaithsepherd

Programação Paralimpíadas 2021

A atleta irá ter sua estreia na noite desta sexta feira (27), às 22h50, pelo horário de Brasília. Sepherd irá competir os 200m medley feminino. Logo após, às 21h05 da próxima terça feira (31), no horário de Brasília, participará dos 100m peito feminino.

Foto destaque: Reprodução/Instagram/havenfaithsepherd

mm
Jornalista em formação. Escolhi esse curso porque gosto muito da área de comunicação, sempre gostei de ler e escrever e me identifico com essa profissão. Tenho experiência com trabalho em equipe e com mídias sociais. Atuante na escrita com produção de textos multimídia e a adaptação destes conforme os diferentes públicos-alvo. Igualmente operante no setor audiovisual com fotografias, vídeos e edição. Integrante da equipe de comunicação da Atlética UniCarioca. Também fui responsável pelo campo administrativo e criativo da página exclusiva do voleibol. Fui componente de um programa de rádio sobre o setor cinematográfico e integro um grupo especializado em imagens: Estudo avançado em Fotografia- EAF. Já desempenhei a função de monitora de fotografia e faço parte da pastoral da comunicação- PASCOM.
Tenho objetivo de crescer como profissional e aproveitar todo aprendizado. Possuo comprometimento, proatividade e busca constante por conhecimento.

Cyber


Related Post