mbappé

Nesta segunda-feira (04), o jornal francês L’Equipe publicou uma entrevista com Kylian Mbappé, atacante de 22 anos do PSG. Nela, o camisa 7 comenta a campanha da Eurocopa 2020, a oportunidade de jogar com Lionel Messi e a crise entre o clube e Neymar.

MBAPPÉ, NEYMAR, MESSI E EUROCOPA

Sim, eu disse isso. Agora, essas são coisas que acontecem o tempo todo no futebol. Simplesmente não precisa ser algo destacado. Por isso, logo depois conversei com ele sobre isso. Já trocamos muitas palavras assim no passado e vai continuar, porque queremos vencer, mas não deve haver um ressentimento”, comenta o atacante sobre reclamação sobre o jogador brasileiro.

Ademais, o jovem atleta elogiou Messi e disse que nunca imaginou jogar junto com o argentino. Além disso, destacou seu lado introvertido e tímido, mas também como ele interage com o resto da equipe. Sobretudo, o atacante disse que é um privilégio jogar com o craque.

“Quando você tem Messi no time, sabe que ele tem que fazer um pouco menos para ter fôlego e estar mais lúcido para marcar. Então, se você tiver que ir, vá. Não há problema, é uma hierarquia estabelecida. Eu concordo em correr quando o Messi estiver andando, sem problemas! É o Messi, de qualquer maneira.”

No fim, mencionou sua participação na Eurocopa e como a equipe se comportou na competição. Para ele, o momento que mais marcou o jogador foi o pênalti que perdeu contra a Suíça, nas oitavas de final. Sobretudo, um grande ponto negativo em sua carreira até o momento.

“Você pode fazer todas as análises que quiser, mas há um debate em que somos unânimes: nos perdemos completamente. Quando você é eliminado nas oitavas de final por um suposto adversário inferior quando estava ganhando por 3 x 1 aos 80 minutos… as férias me ajudaram a seguir em frente, porque é difícil voltar a jogar logo depois de algo assim.”

Foto destaque: Divulgação/Fabrizio Romano

Guilherme Schanner

Cyber


Related Post