Nascar

O dia foi agitado nos bastidores da NASCAR Cup Series após os anúncios de pilotos para a temporada de 2022. Primeiro foi a Penske que confirmou Austin Cindric (filho do CEO da equipe, Tim) no Mustang #2, substituindo o campeão de 2012 Brad Keselowski.

Cindric já estava confirmado para ocupar o carro #21 da Wood Brothers ano que vem, mas a saída iminente de Keselowski para o #6 da equipe Roush – onde será também co-proprietário – mexeu nos planos do time que não renovará com seu atual piloto, Matt DiBenedetto.

Advertisement

Piloto surpresa

Diante da situação acima descrita, a Wood Brothers recorreu a Xfinity Series, segunda divisão nacional da categoria, e irá trazer Harrison Burton, que corre atualmente no #20 da equipe Joe Gibbs.

Essa sem dúvida foi a maior surpresa dessa “dança das cadeiras”, uma vez que o nome de Burton não era ventilado nesse cenário.

Frustração de DiBenedetto

Após os anúncios, Matt DiBenedetto postou um vídeo em suas redes sociais lamentando a perda do assento. ” Perder o carro ‘é uma merda’ e que estou com raiva e, quer saber, às vezes tudo bem. Está tudo bem ficar com raiva. Somos todos seres humanos e todos nós somos imperfeitos e confusos. Todos nós temos nossas batalhas. Todo mundo tem…” disse o piloto.

Mesmo sem planos para o futuro, Matt ainda procura motivação: “Eu vou, através de toda a dor no coração, toda a frustração, todos os obstáculos, toda a loucura do que eu te falei com nossa equipe não estar onde precisa estar, todas essas coisas, eu não me importo, Vou superar tudo isso. Eu vou, e nós vamos vencer. Eu sei e me sinto confiante de que estamos na melhor posição do mundo para finalmente sair e fazer isso, e meu futuro será repleto disso. Vamos ter sucesso. Estou aqui para fazer isso. Eu vou morrer antes mesmo de desistir. Eu não me importo com quais obstáculos são lançados sobre mim”.

Ele conclui o vídeo agradecendo a oportunidade: “Agradeço a todos vocês por estarem nesta jornada comigo, em cada etapa do caminho, em cada pedacinho de desgosto, tudo isso e passando pela montanha-russa emocional comigo, todo o apoio que vocês me deram porque esta foi uma viagem infernal”.

Vagas e pilotos

Os anúncios de hoje ajudam a mexer ainda mais nas vagas disponíveis na NASCAR, que começaram com a compra da operação de Chip Ganassi pela Trackhouse, de propriedade de Justin Marks e do rapper Pit Bull, que terá dois carros anos que vem, sendo um ocupado pelo mexicano Daniel Suarez.

O outro carro pode ter um dos pilotos da Chip Ganassi (Kurt Busch ou Ross Chastain), além do próprio DiBenedetto. Outra vaga para Busch pode ser na 23XI, equipe de Denny Hamlin e Michael Jordan, que deverá ter mais uma entrada ao lado de Bubba Wallace.

Mais um piloto que está fora do grid momentaneamente é Ryan Newman, que perderá a vaga para Keselowski.

Outras opções

E com tantos pilotos em busca de assento, a Xfinity Series também pode ser uma boa para os mais jovens. DiBenedetto e Chastain podem ir para as vagas de Cindric na Penske ou de Burton na Gibbs. Além dessas, a equipe Kaulig, que terá um carro na Nascar Cup para a próxima temporada e levará Justin Halley, é outro bom assento.

Por fim, tem a vaga de comentarista na TV americana com a saída de Jeff Gordon, que pode ser ocupada por Newman ou Kurt Busch. Dessa maneira, agora é aguardar como todos esses players irão se reorganizar.

Foto Reprodução: Destaque/Facebook Team Penske

Francisco Brasil

Cyber


Related Post