Após saída, Renato se despede do Flamengo: "Sigo com carinho e admiração"

Sobretudo, após a quebra de vínculo na última segunda-feira (29), Renato Gaúcho, através de sua rede social, se despediu do Flamengo depois de três dias do anúncio da sua saída do plantel. Dessa maneira, em seu texto, o ex-técnico do Mais Querido falou sobre o seu sonho realizado de treinar a equipe que defendeu como jogador. Ainda assim, o treinador agradeceu os jogadores e a direção do clube.

Em sua 1ª passagem pelo Flamengo como técnico, Renato comandou o Rubro-Negro em 38 partidas, com 25 vitórias, oito empates e cinco derrotas. Com isso, o treinador obteve aproveitamento de 72,8%, ficando atrás apenas de Jorge Jesus em sua passagem. Desse modo, Maurício de Souza assume até o fim do Brasileirão. Assim, o treinador interino esteve à frente na vitória diante do Ceará.

Advertisement

Confira a mensagem de despedida de Renato Gaúcho

Encerro aqui mais um ciclo. Todos temos sonhos a serem conquistados e treinar o Flamengo era um dos meus.

Conquistei não dá forma que eu gostaria, porém, não faltaram garra e empenho para tentar sair com as conquistas que esperávamos.

Quero agradecer ao Presidente Landim, ao Marcos Braz e ao Bruno Spindel pela oportunidade e por terem confiado em mim. Agradecer a todos os departamentos do clube que foram muito importantes nessa jornada. Agradecer aos jogadores e a torcida que, mesmo não sendo da forma que sonhávamos, não deixaram de ter Raça, Amor e Paixão. Isso é Flamengo!

Sigo com carinho e admiração pelo Clube de Regatas do Flamengo.

Sucesso aos próximos!”

Próximos jogos do Flamengo

A saber, o Flamengo retorna aos gramados nesta sexta-feira (3), às 20h (horário de Brasília), diante do Sport, em Recife. Em seguida, o Rubro-Negro vai ao Maracanã para enfrentar o Santos, segunda-feira (5), 20h (horário de Brasília), em sua última partida da temporada no estádio. Ademais, o Mais Querido encerra o Brasileirão diante do Atlético-GO, às 21h30 (horário de Brasília).

Foto destaque: Reprodução/Alexandre Vidal/Flamengo

Francisco Diogo
Apaixonado por futebol desde 1999, encontrei no jornalismo esportivo a realização de um sonho, que é trabalhar, viver e respira futebol.

Related Post