Vasco

O Vasco da Gama agitou o domingo (27), com suas ações históricas em defesa do respeito e contra discriminação da população LGBTQIA+, na véspera do dia do Orgulho gay. Na noite de domingo, o time fechou a 7ª rodada da Série B contra o Brusque, em São Januário. Mas, apesar de não ter uma atuação memorável, conquistou a vitória, por 2 x 1, e agora está a dois pontos do G-4.

Vasco x Brusque – O jogo na colina

A etapa inicial do jogo teve mais posse de bola dos visitantes, que ameaçou bem mais que o Vasco nos primeiros 45 minutos. Tentando controlar a partida, os catarinenses deixaram espaços, que quase foram aproveitados por Cano e Morato. Após levar pequenos sustos, o Brusque reagiu nos minutos finais, mas não conseguiu tirar o zero do placar.

Advertisement

Em seguida, no 2º tempo, faltou capricho e atenção para equipe vascaína, que se deixou pressionar em alguns momentos e poderia ter levado o empate no fim do jogo. No retorno dos vestiários, o time voltou mais agressivo, e no abafa conseguiu abrir o placar. Morato cruzou rasteiro para Cano, que bem posicionado apenas mandou para redes. O argentino comemorou o gol erguendo a bandeira com a cores da bandeira LGBTQIA+. O gesto do artilheiro foi histórico, e a imagem já roda o mundo.

Gol de ex

A resposta do Brusque foi rápida. Com erros na proteção e cobertura de Leandro Castán, o  Brusque empatou 15 minutos depois. O time explorou a fraqueza do Cruz-Maltino na bola aérea. O atacante Edu aproveitou o cruzamento pelo alto e empatou o jogo. O jogador é cria do clube carioca, o pai do atacante, inclusive, esteve em São Januário assistindo ao filho marcar o quinto gol na Série B, e se isolar na artilharia do campeonato.

No entanto, a noite era vascaína. Apesar de ter diminuído o ritmo e deixado os visitantes empatarem, a equipe de Marcelo Cabo conseguiu a vitória. Aos 42′, do 2º tempo, após uma falta de longa distância, a bola sobrou para o lateral Léo Matos, que dominou e mandou para a rede. Foi o gol da vitória dos donos da casa, a segunda como mandante. Como resultado, o time subiu para a 6ª posição na tabela, com 10 pontos.

E agora?

Assim, o Vasco volta a campo na próxima quarta-feira (30), para enfrentar um adversário direto na briga pelo G-4, o Goiás. O jogo é às 19h (horário de Brasília), na Serrinha. Já o Brusque volta no mesmo dia, às 17h (horário de Brasília), contra o Brasil de Pelotas. O duelo acontecerá no Estádio Augusto Bauer.

Foto destaque: Rafael Ribeiro/Vasco

mm
É jornalista de formação. Atua na área de esportes e cobre futebol. Com foco em webjornalismo, se dedica a criação de conteúdo especializado na internet, redes sociais e blogs.

Related Post