Vasco

O Vasco segue sem perder para o Confiança-SE. Neste sábado (3), em São Januário, Cruz-Maltinos e Azulinos se enfrentaram pela terceira vez na história, e como nas outras duas vezes, os cariocas saíram com o triunfo. MT marcou o gol da vitória do time da colina, o primeiro do jogador no time principal. Sem uma grande atuação, a equipe carioca soma pontos importantes antes da jornada dura de jogos.

Vasco x Confiança-SE – O jogo na colina

Foi um 1º tempo de poucas finalizações. Os donos da casa chegaram bem menos na meta adversária. Contudo, o Vasco abriu o placar nos primeiros 15 minutos de jogo, na sua segunda finalização na partida. Aos  14’, em uma boa jogada, Cano cruzou para Marquinhos Gabriel, que rolou para MT mandar para o fundo do gol.

Advertisement

No entanto, a equipe da casa não desenvolveu seu jogo. Suas tentativas se resumiam as investidas de MT e Gabriel Pec. Nos últimos 20 minutos da primeira etapa, o Confiança-SE tomou conta do jogo e assustou a equipe carioca pelo menos quatros vezes. Foram sete finalizações dos sergipanos contra três vascaínas.

Em seguida, na segunda etapa, com as alterações de Marcelo Cabo, o Vasco conseguiu equilibrar o jogo. A equipe conseguiu dividir a posse de bola durante toda a etapa final, mas sem nenhuma eficiência. Sem dúvida, a partida entra para o hall das menos vistosas do campeonato. As investidas ofensivas do Confiança-SE se limitavam a lançamentos mal feitos. E pela falta de efetividade, nenhuma equipe marcou gols, definindo assim a vitória vascaína, por 1 x 0.

Como resultado, a equipe subiu para o 7º lugar com 13 pontos. O time volta a jogar pela Série B na próxima sexta-feira (9), às 19h (horário de Brasília), em São Januário. Em suma, a vitória contra o Confiança-SE não foi um jogo consistente da equipe de Marcelo Cabo. O time segue sem apresentar boas atuações e terá de se preparar ao máximo para os próximos jogos que virão.

Foto destaque: Reprodução/André Durão/Ge.com

mm
Escolhi o jornalismo porque sou apaixonada por escrever e por grandes histórias. Escrever sobre futebol não é um trabalho pra mim, é um hobby. Hoje curso Relações Públicas e pretendo um dia trabalhar na comunicação interna de um clube de Futebol.

Cyber


Related Post