Eliminação do Coritiba: Guto pede desculpas e promete mudanças

A vantagem do Maringá era grande, e o Coritiba não conseguiu reverter a situação nas semifinais do Campeonato Paranaense. Diante da equipe do norte do estado, no Couto Pereira, os comandados de Guto Ferreira não saíram do empate sem gols durante os 90 minutos.

No primeiro jogo, o Dogão abriu 2 a 0 na chave e jogava até por uma derrota de um gol de diferença. Até por esse motivo, a equipe chegou à capital paranaense com uma proposta reativa, que funcionou muito bem.

Fora do estadual e da Copa do Brasil neste primeiro semestre, o Coritiba agora tem quase um mês para se preparar de olho na estreia da Série B do Campeonato Brasileiro. Guto, técnico da equipe, prometeu um novo espírito para o restante da temporada.

Após eliminação para o Maringá, Guto Ferreira desabafa em coletiva

O técnico Guto Ferreira vem sendo muito pressionado pelos torcedores alviverdes. Com mais uma eliminação neste começo de temporada, a situação do comandante ficou ainda mais delicada para a sequência do trabalho em 2024.

Sem estadual ou Copa do Brasil, o Coxa tem agora um hiato de quase um mês sem jogos oficiais. A próxima partida programada no calendário da temporada é a estreia na Série B, que acontecerá no final de semana do dia 19 de abril.

Até lá, Guto pretende fazer mudanças internas e cobrar dos seus jogadores mais dedicação em campo. Pelo menos, foram essas as palavras usadas pelo comandante na coletiva pós-jogo deste final de semana:

“Agradecer a presença do nosso torcedor e o apoio. Pedir desculpas por não estar onde gostaríamos. Não faltou luta. Perdemos a classificação em dez minutos no jogo de Maringá. Hoje, em termos de mentalidade, passamos um pouco do ponto. Faltou tranquilidade. Todos procuraram se entregar ao máximo, mas o que a gente buscava que era pelo menos um primeiro gol, não conseguimos. (…) Vamos seguir trabalhando. Seguir firme e forte, ajustando o que tiver que ajustar.”

Coritiba vai demitir Guto Ferreira?

A demissão de Guto Ferreira não parece ser uma pauta no Coritiba. Com a mudança recente de diretor, após a chegada de William Thomas, a SAF do clube trabalha em outros assuntos mais importantes para o clube neste momento da temporada.

A princípio, o comandante inicia a Série B do Brasileirão na beira do campo. No entanto, caso os resultados não venham nas primeiras rodadas, a pressão pode aumentar nas arquibancadas. Segundo Guto, essa cultura está inserida no futebol brasileiro: “No Brasil isso é normal. Mas diante do trabalho que a gente faz diariamente aqui, estou tranquilo, confiante para fazer mais e melhor, ajustar o que tivermos que ajustar“.

Lucas Gervazio
Lucas Gervazio

Jornalista, 25 anos. Trabalho como redator de conteúdo há mais de 3 anos, com experiência em esportes e especialização em futebol. Atualmente, auto como escritor diário no portal FNV Sports.

Articles: 516
Segundona Brasil by FNVSports > Blog > Últimas Notícias > Eliminação do Coritiba: Guto pede desculpas e promete mudanças