R$20 milhões: Como Messias pode evitar transfer ban do Santos?

Em fevereiro, a diretoria do Santos quitou uma dívida de R$4,7 milhões com o ex-técnico Fabián Bustos e pôde, enfim, retirar o transfer ban imposto pela FIFA. No entanto, a punição pode vir à tona novamente e, para evitá-la, a diretoria pode usar o zagueiro Messias.

Nesta temporada, a nova diretoria alvinegra, presidida por Marcelo Teixeira, tem como principal objetivo reduzir a folha salarial do clube e enxugar a receita de gastos. Em campo, pela Série B, o Peixe busca o retorno à elite do Brasileirão.

Após se livrar do transfer ban e registrar o jovem goleiro Gabriel Brazão, o Peixe corre sérios riscos de ser punido novamente e, dessa vez, o problema envolve o meio-campista peruano Christian Cueva e o Krasnodar, da Rússia.

Santos tenta evitar transfer ban da FIFA e Messias pode virar moeda de troca

Na última semana, o Santos foi notificado sobre uma dívida de R$20 milhões com o Krasnodar, da Rússia. O valor é relativo à compra do jogador, em 2020, que ainda não foi pago. A FIFA notificou o clube sobre a urgência do assunto e, nos bastidores, Marcelo Teixeira tenta encontrar uma solução.

Segundo o presidente do Peixe, o clube já ofereceu duas propostas aos russos: “Nós fizemos duas propostas. A primeira foi recusada. A segunda está sendo analisada. Estão acontecendo entendimentos para que seja resolvida a questão do transfer ban. A primeira proposta envolvia jogador“.

Sem revelar nomes, Teixeira deixou no ar a possibilidade de negócio com um atleta do elenco. Vagner Frederico, jornalista que acompanha o dia-a-dia do Peixe, apurou que o possível nome envolvido no negócio era Messias.

O zagueiro de 29 anos, que tem contrato com o Peixe até o final da próxima temporada, não vem sendo muito aproveitado por Fábio Carille, mas é o primeiro substituto para a dupla de zaga que, hoje, é formada por Gil e Joaquim.

Em janeiro, Messias reduziu o salário para continuar no Santos

No começo da temporada de 2024, a nova diretoria do Peixe promoveu uma série de cortes no elenco. O objetivo era chegar a um acordo com os atletas e encontram uma solução financeira viável para o clube.

Messias, que chegou no ano passado ao clube, aceitou a redução salarial para continuar no clube e aceitou as novas condições que a diretoria alvinegra propôs para a sequência do seu período contratual no Peixe.

Lucas Gervazio
Lucas Gervazio

Jornalista, 25 anos. Trabalho como redator de conteúdo há mais de 3 anos, com experiência em esportes e especialização em futebol. Atualmente, auto como escritor diário no portal FNV Sports.

Articles: 516
Segundona Brasil by FNVSports > Blog > Últimas Notícias > R$20 milhões: Como Messias pode evitar transfer ban do Santos?