Série A

Nesta terça-feira (28), o Conselho Técnico de clubes da Série A do Brasileirão definiu a volta do público em estádios na 23ª rodada. Ou seja, estádio poderão ter torcedores de volta no próximo fim de semana. Contudo, o Bahia teve seu jogo contra o Ceará adiado porque o governo do estado ainda não liberou a volta de torcidas em jogos. Sobretudo, times de São Paulo poderão receber seus torcedores a partir de 4 de outubro.

No entanto, o Santos pediu um adiamento em seu confronto contra o Fluminense, previsto para domingo (03). Com isso, o jogo deve ser realizado no fim de outubro.

Entre todos os times da Série A, o Athletico Paranaense votou contra a volta do público no próximo fim de semana. A princípio, o clube defendia a política de portões fechados até o fim dessa temporada. Além disso, o Flamengo, não participou mais uma vez da reunião entre times do Brasileirão.

Todavia, dois time paulistas, Palmeiras Bragantino, não quiseram adiar seus jogos como o Santos, e irão jogar sem suas torcidas. Sobretudo, o Verdão irá jogar contra o Juventude, e, o Braga jogar contra o Corinthians.

Acima de tudo, os clubes discutiram qual seria o percentual de abertura para torcedores e chegaram a conclusão que isso caberia as autoridades de cada estado definir. Por exemplo, se o Maracanã puder funcionar em 50% com 30 mil torcedores, outro jogo com menos de 10 mil pessoas, em outro estado.

No caso do Bahia, a diretoria do clube aceitou jogar sem público no jogo de dia 13 de outubro caso não tenha uma autorização do estado. Contudo, a diretoria também marcou uma nova reunião com o Conselho Técnico no dia 13  caso não chegue um acordo com o governo estadual a partir daí.

Foto: Divulgação/Coluna do Athletico PR

Guilherme Schanner

Related Post