Após derrota, Guarani afasta CEO e demite dois funcionários

Neste domingo (18), o Guarani perdeu para a Portuguesa por 1 a 0 no Estádio do Canindé e se complicou ainda mais na tabela geral do Campeonato Paulista. Sem ‘reação' em campo, a diretoria do Bugre decidiu intervir nos bastidores do clube.

Com um início ruim de temporada sob o comando de Umberto Louzer, o Guarani agiu rapidamente no mercado e demitiu o comandante para trazer Claudinei Oliveira ao seu lugar em uma ‘troca dentro do avião‘.

São poucos dias de trabalho no Guarani, mas o ex-comandante da Chapecoense já sofre fortes pressões nos bastidores. Tentando evitar uma queda no Paulistão, a diretoria afastou o CEO do clube e demitiu dois funcionários.

Guarani afasta CEO e demite dois funcionários após a derrota para a Portuguesa no Paulistão 2024

Após mais um resultado ruim no Paulistão, a diretoria do Guarani tomou fortes decisões nos bastidores do clube. Neste domingo (18), a equipe de Claudinei Oliveira perdeu para a Portuguesa por 1 a 0, e continua na 15ª posição geral do torneio estadual.

Correndo sérios riscos de queda, o Bugre decidiu agir. A primeira mudança será na gestão do futebol, que agora não contará mais com a interferência direta de Ricardo Moisés, CEO do clube.

Além disso, o superintendente Juliano Camargo e o auxiliar técnico Rodrigo Leitão foram demitidos. Em nota, o Guarani agradeceu aos profissionais desligados do clube pelos serviços prestados:

“O Guarani Futebol Clube informa que o superintendente de futebol Juliano Camargo e o auxiliar técnico Rodrigo Leitão foram desligados. A agremiação comunica também que o CEO Ricardo Moisés foi afastado do Departamento de Futebol, permanecendo de forma exclusiva nas funções administrativas. O clube agradece os serviços prestados de Juliano Camargo e Rodrigo Leitão e deseja sucesso na sequência de suas carreiras”, divulgou o clube.

O que o Guarani precisa para escapar do rebaixamento no Paulistão?

O Guarani precisa ganhar os seus últimos jogos e torcer para tropeços de Ituano, Portuguesa, Botafogo-SP e Corinthians. Equipes como o São Bernardo, Ponte Preta, Inter de Limeira e Mirassol ainda apresentam riscos matemáticos de queda, mas estão distantes da briga pelo Z2 da competição estuadal. Confira quais são os três últimos jogos do Guarani no Campeonato Paulista de 2024:

  • 10ª rodada – Guarani x São Paulo, domingo (25), às 18h (Brasília) – Estádio Brinco de Ouro, Campinas (SP);
  • 11ª rodada – Botafogo-SP x Guarani, sábado (02), às 20h (Brasília) – Estádio Santa Cruz, Ribeirão Preto (SP);
  • 12ª rodada – Guarani x RB Bragantino, domingo (10), às 18h (Brasília) – Estádio Brinco de Ouro, Campinas (SP).
Lucas Gervazio
Lucas Gervazio

Jornalista, 25 anos. Trabalho como redator de conteúdo há mais de 3 anos, com experiência em esportes e especialização em futebol. Atualmente, auto como escritor diário no portal FNV Sports.

Articles: 516
Segundona Brasil by FNVSports > Blog > Últimas Notícias > Após derrota, Guarani afasta CEO e demite dois funcionários