Guarani toma decisão final sobre o futuro de Chay

Prestes a começar a disputa pela Série B do Brasileirão, o Guarani faz ajustes finais no seu elenco. Chay, que vinha sendo muito criticado pelos torcedores bugrinos, definiu o seu futuro no clube para a temporada.

No Paulistão, o time de Claudinei Oliveira encontrou dificuldades. Após um sufoco na primeira fase da competição, o Guarani garantiu sua permanência na Série A1 e, agora, pensa em uma reestruturação de olho na segundona.

Apesar de não chegar para a disputa do torneio como um dos favoritos na briga pelo G-4, o Bugre quer surpreender e, para isso, segue fazendo ajustes pontuais em seu elenco. Agora, porém, Claudinei terá que encontrar uma alternativa para Chay, que já sabe o que vai fazer nesta temporada de 2024.

Chay encaminha saída do Guarani e motivo é revelado

O meio-campista Chay não deve ficar no Guarani em 2024. Apesar de não ter um acerto com nenhum clube até o momento, a diretoria bugrina já liberou o atleta para buscar uma nova equipe nesta janela de transferências do mercado nacional.

Emprestado pelo Botafogo, Chay também não está nos planos da equipe carioca e, nos próximos dias, tenta encontrar uma alternativa para a sua sequência na temporada. O jogador e seus empresários têm até o dia 19 de abril para assinar um contrato com equipes da Série A ou B.

Ao falar sobre a situação de Chay no Bugre, o técnico Claudinei prometeu transparência aos torcedores: “É uma situação que a gente precisa pensar até mesmo pela situação financeira do clube. Não dá para ficar com muitos jogadores da mesma posição com valores altos. Se alguma coisa mudar e o Chay acabar ficando, eu também vou agir com a mesma transparência e explicar isso para o nosso torcedor”.

Por que Chay quer deixar o Guarani?

O clima pesado da torcida é um dos motivos que explica o desejo de saída do meio-campista Chay. Segundo Claudinei Oliveira, alguns episódios no Paulistão de 2024 se tornaram marcantes para o atleta, que foi se sentindo cada vez mais pressionado no clube:

“O Chay nos procurou antes do jogo contra a Portuguesa porque ele queria fazer um trabalho diferente. Eu percebi um desgaste. Ele acabou sentindo aquele momento contra o Santo André e acho que deu uma baqueada nele. Ele está trabalhando sem restrições, mas talvez tenha sentido esse clima hostil.”

Lucas Gervazio
Lucas Gervazio

Jornalista, 25 anos. Trabalho como redator de conteúdo há mais de 3 anos, com experiência em esportes e especialização em futebol. Atualmente, auto como escritor diário no portal FNV Sports.

Articles: 522
Segundona Brasil by FNVSports > Blog > Mercado da Bola > Guarani toma decisão final sobre o futuro de Chay